.

Cuidado com o Reganho de Peso Bariátrica: dicas para evitar.

Cuidado com o Reganho de Peso Bariátrica: dicas para evitar. BH

Você conhece alguém que voltou a engordar após a Cirurgia Bariátrica? Como não se trata de uma pílula mágica, não corra este risco e descubra como evitar o Reganho de Peso Pós Bariátrica.

Com a epidemia de obesidade crescente, mais e mais indivíduos procuram a cirurgia bariátrica como uma excelente opção de tratamento, ajudando a combater inclusive, problemas de saúde associados ao excesso de peso.

Enquanto a maioria dos pacientes emagrece rapidamente, mantendo a eliminação do excesso de peso e atingindo a estabilidade, outros encontram grande dificuldade na etapa de manutenção do peso.

Reganho de Peso Bariátrica: risco real ou mito?

De acordo com a  Sociedade Americana de Cirurgia Bariátrica e Metabólica, mais de 50% dos pacientes recuperam em torno de 5% do seu peso corporal dentro de 2 anos após o procedimento cirúrgico, e uma porcentagem menor acaba engordando mais.

Quando se avalia o paciente bariátrica que apresentou reganho de peso, deve-se analisar o caso sob duas óticas distintas: existe falha da técnica cirúrgica ou a falha está no paciente?

Quando se analisa a técnica cirúrgica utilizada, deve-se analisar se o volume do estômago confeccionada foi adequado, se houve dilatação, se anastomose (emenda entre o estômago e intestino delgado) não está muito ampla, se o fundo gástrico foi completamente excluído do contato com o alimento, se existe a possibilidade de fístula gastro-gástrica (complicação grave e responsável por importante reganho de peso).

Nessas situações, o tratamento cirúrgico ou endoscópico pode ser considerado.

Após excluir-se causas anatômicas ou falhas cirúrgicas para o reganho de peso, deve-se questionar se a falha não está nos hábitos do próprio paciente.

Deve-se ter em mente que simultaneamente a perda de peso induzida pela cirurgia Bariátrica, o paciente necessita ter também mudança de comportamento, com melhores hábitos alimentares e prática de atividade física.

Então, você deve estar pensando: o que pode ser feito para aumentar a taxa de sucesso da sua cirurgia de redução do estômago?

Reunimos algumas informações relevantes de indivíduos que mantém resultados promissores em longo tempo, além de profissionais especializados em aperfeiçoar seu sucesso.

Dicas para Não Engordar Após Bariátrica

Antes de conferir essas dicas super válidas, primeiro é melhor você saber uma coisa: todos concordam que a cirurgia bariátrica é apenas o primeiro passo!

Ou seja, o segredo para não recuperar o que perdeu é mudar seu estilo de vida considerando estes cinco passos vitais:

1.   Obtenha Suporte Pós-operatório

O progresso em longo prazo depende do paciente, claro, mas também das ferramentas com as quais ele pode contar após a Gastroplastia.

O auxílio de especialistas do ramo é de extrema valia porque funciona como uma rede de apoio para contornar a montanha-russa emocional do pós-operatório – que vamos abordar adiante.

💪Participe de Grupos de Apoio

Por ora, entenda que grupos de apoio são eficientes, onde é possível discutir e compartilhar preocupações, expectativas e obstáculos que muitos pacientes têm em comum.

Algumas equipes incluem também os familiares dos recém-operados para construir um apoio mais abrangente e duradouro.

É evidente que as orientações do cirurgião são indispensáveis, mas conversar com pessoas além do âmbito e linguagem médica que passaram pela mesma experiência é algo inestimável!

Na internet existem diversos sites ou fóruns que podem ajudar a gerenciar a etapa do platô, por exemplo, quando o peso fica estagnado, entre outras alternativas alimentares para os diferentes estágios da sua recuperação.

🗣Aproveite a Funcionalidade Compartilhada

Essas reuniões de gastroplastizados também funcionam como uma injeção de encorajamento e apoio moral para aqueles que não conseguem cumprir a meta de emagrecimento sozinhos.

Por falar nisso, cabe destacar que você não está só de forma alguma! Na última década, as cirurgias bariátricas aumentaram bastante em todo o mundo.

Hoje, é muito possível que você conheça uma pessoa operada que passou por desafios, inclusive o de identificar a tendência a comer por emoção, por exemplo.

Logo, trocar ideias aumenta as chances de você aprender com a vivência alheia e se adaptar ainda mais rápido ao novo estilo de vida.

2. Conte com uma Equipe Multidisciplinar

Além dos grupos, outro sistema promissor inclui a Psicologia e terapeutas experientes em fornecer atendimento aos gastroplastizados.

A área da Nutrição conta com peritos em nutrição pós cirurgia bariátrica.

Essas atuações são de total relevância, visto que a redução do estômago é uma das táticas para tratar a obesidade, mas esta condição engloba um conjunto mais amplo de fatores.

Assiduidade e Empenho

O acompanhamento profissional rotineiro faz com que o paciente estabeleça um compromisso consigo mesmo e com a mudança permanente de comportamento.

Contando com “nutrição e psicoterapia”, você ganha fortes aliados para se prevenir e evitar o retorno de velhos hábitos que, eventualmente, teimam em vir à tona.

É claro que pequenos deslizes fazem parte do cotidiano pós cirurgia bariátrica, mas é preciso atenção para que eles não se tornem recorrentes, comprometendo o sucesso da sua operação.

Para evitar esse risco, aposte nessa parceria significativa para conquistar a segurança necessária, e contornar desafios típicos de toda jornada de emagrecimento.

3. Reformule sua Relação com a Comida

reganho de peso bariatrica

Não é segredo que para muitos pacientes submetidos à cirurgia bariátrica, a relação com a comida pode ficar um pouco complicada.

Neste caso, é importante repensar os alimentos como combustíveis para o corpo, em vez de tê-los como um conforto emocional.

Isso porque recuperar parte do peso eliminado pode estar associado à relação com comida que permanece inalterada, idêntica ao período anterior à intervenção cirúrgica.

Trabalhe para estabelecer um relacionamento agradável com o ato de se alimentar, deixando de fora toda a bagagem de emoções pesadas que estimulam o retorno à obesidade.

4. Organize Sua Rotina Alimentar

Por falar em alimentação, é certo que os hábitos saudáveis devem ser praticados por toda a vida.

Mas quando o peso começa a estagnar, fica mais fácil retornar aos velhos costumes alimentares de antes da cirurgia bariátrica, desfocando das recomendações nutricionais.

Neste ponto, persista e certifique-se de priorizar refeições adequadas e ricas em nutrientes. Ingerir proteína magra na etapa pós cirúrgica pode ser determinante, mas continua fundamental em todo o processo.

Logo, para prevenir o Reganho de Peso Após Cirurgia Bariátrica, incremente sua alimentação com novas abordagens, tentando variar as receitas para não deixar as frutas e legumes de lado jamais!

5. Tome Gosto pelos Exercícios Físicos

reganho de peso bariatrica

Falando em vida, você sabia que praticar atividades físicas pode prolongar a sua?

Recentemente, o universo fitness virou “modinha” nas redes sociais gerando estímulos de mudanças em toda a população.

É fato que muitas pessoas se sentem contagiadas com esta onda, tanto que as academias estão lotadas, e não param de lançar novas modalidades de exercícios físicos mais atrativos e que agradam a todos os gostos.

Assim como a medicina recomenda, este público intensamente ativo entende a importância vital do exercício físico para a saúde de qualquer pessoa, independente do peso.

Porém, parte desses adeptos sempre foram magros e se matriculam na academia eventualmente apenas para acompanhar as tendências fitness do momento.

Já o paciente submetido à cirurgia bariátrica, reconhece sua tendência a engordar de novo e, por isso, deve encarar a prática como uma obrigação diária pelos próximos anos – que se estendem muito além das febres passageiras.

🏃‍♀️Aprovado p| Entrar em Ação 🏃

Mas também não adianta ir com muita sede ao pote do mundo fitness, obviamente! Você precisa de avaliação prévia ou pegar leve se tiver restrições s cardiovasculares ou no joelho, por exemplo.

Certas particularidades dependem da liberação do seu cardiologista ou fisioterapeuta e acompanhamento de um treinador para conferir as melhores práticas conforme a sua saúde, sem agravar condições já existentes.

Contudo, a dica mais pertinente aqui é se apropriar e realmente aproveitar a “modinha fitness” em seu favor.

Ou seja, se o médico indica musculação ou caminhada que te deixam entediado, não caia no desânimo da rotina enfadonha.

Experimente outras categorias de ginástica ou dança dentro da sua capacidade física que cabem em seu bolso, se encaixam na rotina e propiciam maior satisfação. Afinal, para não abandonar os exercícios, é essencial encontrar algo que realmente te agrada!

reganho de peso bariatrica

Procure se lembrar das limitações de locomoção e comorbidades graves da obesidade, e sinta-se disposto em se movimentar com saúde de sobra para não voltar ao sedentarismo nunca mais!

Peso Estabilizado

Quem realiza a cirurgia bariátrica também passa por uma fase na qual o emagrecimento se estabiliza e, talvez, os quilos finais da sua meta parecem muito mais resistentes.

Neste momento, emergem duas atitudes comuns: sentir-se desestimulado, largar a academia e voltar a engordar.

OU

Criar a chance de resinificar sua relação com os esportes para erradicar as chances de reganho de peso pós bariátrica.

E não há dúvidas de qual é o melhor caminho, não é mesmo?!

Agora que você se convenceu da importância e prazer que a atividade física proporciona, aposto que sentiu uma vontade irresistível de participar de uma aula fitness bem animada e divertida!

Mas termine de ler artigo primeiro… 😂

Dica Extra para Prolongar a Sua Felicidade!

Todas essas sugestões visam evitar o Reganho de Peso Após Sleeve, ou Reganho de Peso Após Bypass, mas temos outras infalíveis que você não pode perder:

Se coloque em primeiro lugar, priorize sua saúde mental e física, e otimize sua qualidade de vida sempre se cuidando e respeitando ao máximo;

Trate seus pensamentos inéditos com atenção, compreenda os antigos, não se culpe e coloque mais amor e carinho em sua nova aparência;

Aceite que os deslizes fazem parte e aprenda com eles a redescobrir novos olhares, interna e externamente, que antes você não conseguia acessar.

Acima de tudo, sinta-se feliz pela oportunidade de estar bem consigo, de modificar sua vida e criar experiências positivas!

Certamente, ter uma consciência pragmática aumenta o sucesso da sua gastroplastia em um prazo “a perder de vista” – num “mineirês” simples, porém, direto e eficaz!

Cirurgia Bariátrica em BH: escolha um cirurgião de sucesso!

reganho de peso bariatrica

Se você busca cirurgia bariátrica BH e sonha em usufruir todos esses benefícios e ainda combater o Reganho de Peso Bariatrica, basta agendar a sua consulta com o Dr. Rodrigo Leite: