Quais as maiores vantagens e desvantagens de fazer a cirurgia bariátrica?

Quais as maiores vantagens e desvantagens de fazer a cirurgia bariátrica?
10 meses atrás

O que é a cirurgia bariátrica?

Também chamada gastroplastia, redução de estômago ou cirurgia da obesidade, a cirurgia bariátrica  é um procedimento cirúrgico que visa induzir uma eliminação satisfatória do excesso de peso naqueles pacientes que apresentam refratariedade aos tratamentos clínicos convencionais (dietas, atividade física, uso de medicamentos).  Dependendo da técnica cirúrgica empregada, a mesma pode ter um componente mais restritivo (redução do estômago), mais disabsortivo (desvio intestinal) ou uma combinação de ambos.

A escolha da técnica cirúrgica deve ser realizada de forma individualizada.

Quando comparamos as vantagens e desvantagens da cirurgia bariátrica, os benefícios são infinitamente superiores.

Quais são as vantagens da cirurgia bariátrica?

Eliminação do excesso de peso

A cirurgia bariátrica tem se mostrado como o tratamento mais efetivo para eliminação do excesso de peso, bem como para a manutenção do peso saudável naqueles pacientes que apresentam obesidade refratária aos tratamentos convencionais.

Melhora da autoestima

Muitos estudos relacionam quadros de depressão e ansiedade ao excesso de peso. A obesidade influencia diretamente na redução da capacidade funcional dos pacientes obesos, com limitação na execução de atividades simples do cotidiano. Questões vinculadas a imagem corporal também estão relacionadas.

A perda de peso induzida pelos procedimentos cirúrgicos resulta em melhora da capacidade funcional e da auto-estima, com consequentes efeitos benéficos sobre os transtornos de humor: ansiedade e depressão.

Melhora e remissão dos problemas de saúde vinculados a obesidade

Inúmeras são as comorbidades relacionadas a obesidade: hipertensão arterial sistêmica, diabetes mellitus tipo 2, dislipidemias, doenças articulares, apneia do sono, doença do refluxo gastro-esofágico, esteatose hepática, infertilidade, alguns tipos de câncer, etc.

A eliminação do excesso de peso induz a remissão total ou parcial dessas afecções, inclusive com redução do risco oncológico para vários tipos de câncer relacionados ao excesso de peso.

Quais são as desvantagens?

Muito do que alguns consideram desvantagens da cirurgia bariátrica, na verdade são resultados da perda rápida de peso. Porém, todas passíveis de tratamento e adequada correção.

Deficiência de vitaminas e proteínas

Uma das complicações a longo prazo das gastroplastias é a deficiências de algumas vitaminas e oligoelementos.  A melhor forma de profilaxia é o inicio precoce de suplementos vitamínicos desde o pós-operatório recente, evitando-se carências nutricionais específicas. O acompanhamento com equipe multidisciplinar reduz o risco de deficiências nutricionais.

Flacidez e queda de cabelo

Muitos pacientes obesos mórbidos apresentam um rompimento importante de fibras elásticas da pele, resultantes da distensão cutânea crônica.  A medida que a perda de peso se instala, a pele previamente distendida não consegue acompanhar essa regressão. Como resultado, observa-se em alguns casos, áreas de flacidez cutânea, podendo ou não coexistir algum grau de comprometimento funcional ou dermatites (inflamações) das dobras. Após a estabilização de peso ser atingida (entre 18 e 24 meses de pós-operatório), o paciente estará liberado para submeter-se as cirurgias plásticas reparadoras.

Nos primeiros 6 a 8 meses de pós-operatório, pode-se observar alguma perda de cabelo mais pronunciada, acompanhando a perda rápida de peso. Deve-se estar atento para algumas vitaminas e oligoelementos específicos que podem contribuir para essa perda de cabelo acelerada: zinco, ferro, ferritina, vitamina B12.  Após este período inicial, a queda de cabelo regride gradualmente.

cirurgia-bariatrica-e-metabolica-bhPowered by Cia Web Sites